GRÁTIS: Cabeça é tema de exposição coletiva no MAM-BA 

Da redação
Atualizado em 28/12/2016 às 20:09
Foto: Divulgação

Com a ideia de reunir e cruzar trabalhos de artistas que se propõem a representar cabeças em diversas linguagens e épocas, nasce a exposição coletiva e internacional “Só Cabeças” que apresentará obras em bordado, vídeo, gravura, pintura, fotografia, lambe-lambe, da escultura e serigrafia no Casarão do Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-BA).

A partir de conversas de um grupo de artistas sobre a questão da produção de cabeças em suas obras surgiu a proposta de convidar outros artistas baianos, brasileiros e de outras nacionalidades que trabalhassem com a mesma temática. O MAM e as Galerias Paulo Darzé, RV Cultura e Arte e a Luiz Fernando Landeiro disponibilizaram seus acervos para a exposição.

“Poder produzir esse grande encontro de cabeças em apenas vinte dias demonstra que há um grande interesse nos artistas da cidade em ocuparem e dinamizarem os espaços públicos”, afirma Flávia Bomfim que integra o coletivo de produção ao lado de Lanussi Pasquali e Joãozito.

Entre os artistas que apresentarão obras estão, Mayra Lins, Renato da Silveira, Hirosuke Kitamura, Reinaldo Eckenberger Iansã Negrão, Alexia Zuñiga, Anderson Santos, Pedro Mariguella, Evandro Sybine, Vânia Medeiros, Nildão, Cecilia Tamplenizza,  Rosa Bunchaft, entre outros.

No dia da abertura, além de conhecer as obras da exposição, o público vai poder “mergulhar de cabeça” nos universo criativo de alguns dos expositores, que darão seus relatos sobre as peças expostas. “Faremos uma espécie de visita guiada, em que o público será conduzido por artistas e poderá fazer questionamentos a respeito de como foram feitas as obras que retratam as cabeças humanas. Essa interação permitirá uma maior aproximação dos visitantes com os criadores” explica o coletivo curatorial.

“O evento vai proporcionar um encontro de artistas de várias gerações, que terão a oportunidade de discutir as novas propostas das artes visuais. Além disso, essa exposição estimula os jovens a utilizarem o MAM para encontros e discussões artísticas”, comenta Ana Liberato, diretora do MAM-BA. Será um momento de realização de um debate público sobre “cabeças”, tema recorrente na produção dos artistas envolvidos na exposição.

A exposição Só Cabeças é realizada pelo Projeto Ativa e a Movimento Contínuo em parceria com a Multi Planejamento Cultural e conta com o apoio do Instituto do Patrimônio Artístico da Bahia (Ipac).

Serviço
Exposição Só Cabeças
Visitação: até 20 de fevereiro de 2017
Horário: 19h às 22h
Local: Casarão do Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM) – Av. Contorno, s/n, Solar do Unhão

Rua Pedro Gama, 31, Federação. Tel: 71 3339-8088 - Salvador - BA
X

GRÁTIS: Cabeça é tema de exposição coletiva no MAM-BA 

Fonte: Da redação
Atualizado em 28/12/2016 às 20:09

Com a ideia de reunir e cruzar trabalhos de artistas que se propõem a representar cabeças em diversas linguagens e épocas, nasce a exposição coletiva e internacional “Só Cabeças” que apresentará obras em bordado, vídeo, gravura, pintura, fotografia, lambe-lambe, da escultura e serigrafia no Casarão do Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-BA).

A partir de conversas de um grupo de artistas sobre a questão da produção de cabeças em suas obras surgiu a proposta de convidar outros artistas baianos, brasileiros e de outras nacionalidades que trabalhassem com a mesma temática. O MAM e as Galerias Paulo Darzé, RV Cultura e Arte e a Luiz Fernando Landeiro disponibilizaram seus acervos para a exposição.

“Poder produzir esse grande encontro de cabeças em apenas vinte dias demonstra que há um grande interesse nos artistas da cidade em ocuparem e dinamizarem os espaços públicos”, afirma Flávia Bomfim que integra o coletivo de produção ao lado de Lanussi Pasquali e Joãozito.

Entre os artistas que apresentarão obras estão, Mayra Lins, Renato da Silveira, Hirosuke Kitamura, Reinaldo Eckenberger Iansã Negrão, Alexia Zuñiga, Anderson Santos, Pedro Mariguella, Evandro Sybine, Vânia Medeiros, Nildão, Cecilia Tamplenizza,  Rosa Bunchaft, entre outros.

No dia da abertura, além de conhecer as obras da exposição, o público vai poder “mergulhar de cabeça” nos universo criativo de alguns dos expositores, que darão seus relatos sobre as peças expostas. “Faremos uma espécie de visita guiada, em que o público será conduzido por artistas e poderá fazer questionamentos a respeito de como foram feitas as obras que retratam as cabeças humanas. Essa interação permitirá uma maior aproximação dos visitantes com os criadores” explica o coletivo curatorial.

“O evento vai proporcionar um encontro de artistas de várias gerações, que terão a oportunidade de discutir as novas propostas das artes visuais. Além disso, essa exposição estimula os jovens a utilizarem o MAM para encontros e discussões artísticas”, comenta Ana Liberato, diretora do MAM-BA. Será um momento de realização de um debate público sobre “cabeças”, tema recorrente na produção dos artistas envolvidos na exposição.

A exposição Só Cabeças é realizada pelo Projeto Ativa e a Movimento Contínuo em parceria com a Multi Planejamento Cultural e conta com o apoio do Instituto do Patrimônio Artístico da Bahia (Ipac).

Serviço
Exposição Só Cabeças
Visitação: até 20 de fevereiro de 2017
Horário: 19h às 22h
Local: Casarão do Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM) – Av. Contorno, s/n, Solar do Unhão