ADEUS: Corpo de adolescente que teria participado do fenômeno “Baleia Azul” será enterrado nesta sexta

Da redação
Atualizado em 21/04/2017 às 8:30
TRISTEZA: Corpo de adolescente que teria participado do "Baleia Azul" na Bahia é encontrado Foto: Reprodução internet

Será enterrado às 8h desta sexta-feira (21/4), no cemitério central de Juazeiro, o corpo da adolescente Ana Vitória Sena de Oliveira, de 15 anos, que foi localizado por pescadores na tarde desta quinta-feira (20/4) em Petrolina, sertão de Pernambuco. A jovem desapareceu na última segunda-feira (17/4) da casa onde morava na cidade de Juazeiro, a 510 km de Salvador, onde mora com a família.

LEIA MAIS:  BALEIA AZUL: “Instigação ao suicídio é crime e pode dar até a 6 anos de prisão”, diz delegado

A titular da 17ª Coordenadoria da Polícia Civil do Interior (Coorpin/Juazeiro), Lígia Nunes, informou ao Aratu Online que o caso ainda está sendo investigado, mas a principal suspeita é que Ana estivesse participando do fenômeno “Baleia Azul” e foi desafiada a cometer suicídio. Exames no celular da jovem vão confirmar ou não as suspeitas.

LEIA MAIS: “A imprensa não pode tratar o Baleia Azul como um jogo. É um crime”, diz diretor da SaferNet

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuonline.com.br/aovivo, na página facebook.com/aratuonline e também pelo youtube.com/portalaratuonline.

Rua Pedro Gama, 31, Federação. Tel: 71 3339-8088 - Salvador - BA

ADEUS: Corpo de adolescente que teria participado do fenômeno “Baleia Azul” será enterrado nesta sexta

Fonte: Da redação
Atualizado em 21/04/2017 às 8:34
TRISTEZA: Corpo de adolescente que teria participado do "Baleia Azul" na Bahia é encontrado

Será enterrado às 8h desta sexta-feira (21/4), no cemitério central de Juazeiro, o corpo da adolescente Ana Vitória Sena de Oliveira, de 15 anos, que foi localizado por pescadores na tarde desta quinta-feira (20/4) em Petrolina, sertão de Pernambuco. A jovem desapareceu na última segunda-feira (17/4) da casa onde morava na cidade de Juazeiro, a 510 km de Salvador, onde mora com a família.

LEIA MAIS:  BALEIA AZUL: “Instigação ao suicídio é crime e pode dar até a 6 anos de prisão”, diz delegado

A titular da 17ª Coordenadoria da Polícia Civil do Interior (Coorpin/Juazeiro), Lígia Nunes, informou ao Aratu Online que o caso ainda está sendo investigado, mas a principal suspeita é que Ana estivesse participando do fenômeno “Baleia Azul” e foi desafiada a cometer suicídio. Exames no celular da jovem vão confirmar ou não as suspeitas.

LEIA MAIS: “A imprensa não pode tratar o Baleia Azul como um jogo. É um crime”, diz diretor da SaferNet

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuonline.com.br/aovivo, na página facebook.com/aratuonline e também pelo youtube.com/portalaratuonline.