São João de Euclides da Cunha homenageia Luiz Gonzaga com shows de Flávio José e Aviões do Forró

O São João de Euclides da Cunha já faz parte do calendário das festas da Bahia e terá como tema “70 anos da Asa Branca” – em homenagem a um dos maiores sucessos do Rei do Baião, Luiz Gonzaga, a canção Asa Branca. A festa em Euclides da Cunha vai começar no dia 23 de junho, sexta, e só acaba na noite de segunda, 26 de junho.

Alguns nomes já confirmados são Aviões do Forró, Adelmário Coelho, Danniel Vieira e o cantor Flávio José. Além das atrações musicais, o “Arraiá do Cumbe” (nome como era batizada a cidade anteriormente) contará com uma grande infraestrutura de palco, iluminação e som, postos de saúde, praça de alimentação, segurança envolvendo as Polícias Civil e Militar, além do Corpo de Bombeiros.

São João de Itatim divulga grade de atrações

Bruno e Marrone, Tayrone, Solange Almeida, Claudia Leitte, Pablo, Mastruz com Leite, Caviar com Rapadura, Santana, Canários do Reino, Chambinho do Acordeon, João Almeida e Seu Malaquias vão comandar a festa de 22 a 25 de junho na Praça de Eventos.

Completando 21 anos de sucesso, o município de Itatim (Bahia), localizado há 208 km de Salvador é destaque mais uma vez no São João. Com o tema ‘Nosso São João é Beleza Pura’ a festa será animada por grandes atrações musicais de 22 a 25 de junho na Praça de Eventos. Na programação já definida, Bruno e Marrone, Tayrone, Solange Almeida, Claudia Leitte, Pablo, Mastruz com Leite, Caviar com Rapadura, Santana, Canários do Reino, Chambinho do Acordeon, João Almeida e Seu Malaquias. O encerramento dos festejos (dia 25.06) ficará por conta da musa baiana Claudia Leitte juntamente com o cantor Tayrone.

Programação
22 de junho: João Almeida, Santana, Júlio César Forrozeiro
23 de junho: Seu Malaquias, Mastruz com Leite, Pablo, Solange Almeida
24 de junho: Caviar com Rapadura, Bruno e Marrone, Chambinho do Acordeon
25 de junho: Tayrone, Claudia Leite, Canários do Reino

Conheça um pouco da história dos Santos Juninos

As festas juninas são eventos tradicionais do calendário brasileiro e um bom retrato da diversidade cultural do país. Mas sua origem remete às festas populares europeias, principalmente de Portugal, que vieram para o Brasil durante o processo de colonização.

Na bagagem, os portugueses trouxeram as comemorações de alguns santos católicos como Santo Antônio, São João e São Pedro, celebrados no mês de junho. Para saber mais sobre os três santos, confira a história e o dia em que se homenageia cada um deles.

Santo Antônio
Festejado no dia 13 de junho, o religioso português nasceu em Lisboa, em agosto de 1195, batizado com o nome de Fernando de Bulhões. Ainda jovem, entrou para um convento agostiniano e, em 1220, mudou o nome para Antônio, ingressando então na Ordem franciscana. Padroeiro dos pobres, daí a tradição do “pão de Santo Antônio”, é conhecido como santo casamenteiro e invocado por quem quer encontrar objetos perdidos. Na véspera do dia dedicado a ele, pessoas que querem casar, encontrar um amor, ou mesmo conservar o que já têm, fazem “simpatias” para o santo. Santo Antônio morreu aos 36 anos de idade,  a caminho da cidade de Pádua, na Itália.

Oração a Santo Antônio: “Santo Antônio, pelos vossos milagres, pelas palavras que a Jesus faláveis, pela defesa do vosso pai, tenho um pedido a fazer. Abrandai a ira do mar, o sopro do vento, o negrume da noite, a chama abrasadora do Sol, a frialdade da Lua, a voracidade das feras, o horror dos desertos. Depois de tudo isso, abrandai o que de mais empedernido existe sobre a Terra: o coração dos homens. Oh, meu milagroso Santo Antônio, fazei com que aquele por quem meu coração chama ouça minha voz. E, ouvindo-a, vá aos pés de Deus Nosso Senhor comigo, vosso (a) humilde devoto (a). Amém”.

São João
Primo em segundo grau de Jesus, segundo a Bíblia, São João batizou-o nas águas do rio Jordão, rio que faz fronteira entre Israel e a Jordânia e entre este país e a Cisjordânia. Filho de Isabel, prima de Maria, São João ainda era esperado quando sua mãe prometeu à Maria que a avisaria assim que ele nascesse. O menino nasceu numa noite linda, de céu estrelado, e como as casas das primas não eram muito distantes, Isabel ergueu um mastro em frente à sua, iluminando-o com uma grande fogueira. Cumpria-se assim o combinado.

Oração a São João: ”São João Batista, voz que clama no deserto, endireitai os caminhos do Senhor. Fazei penitência, porque no meio de vós está quem não conheceis e do qual não sou digno de desatar os cordões das sandálias. Ajudai-me a fazer penitência das minhas faltas, para que eu me torne digno do perdão daquele que vós anunciastes com estas palavras: ‘Eis o Cordeiro de Deus, eis aquele que tira os pecados do mundo’. São João, pregador da penitência, rogai por nós. São João, precursor do Messias, rogai por nós. São João, alegria do povo, rogai por nós. Amém”.

São Pedro
Pescador e apóstolo de Jesus, São Pedro é conhecido como o santo dos pescadores e das viúvas, guardião das chuvas e porteiro do céu. Chamado Simão, foi Jesus Cristo quem lhe mudou o nome, quando  deu-lhe a incumbência de fundar a Igreja e reunir os fiéis depois de sua morte. “Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificareis minha igreja”, disse-lhe. Depois da morte de Jesus, o apóstolo Pedro  foi chamado de ‘pescador de homens’ e tornou-se o primeiro papa.

Oração a São Pedro: “Oh, São Pedro, pedra viva da igreja fundada por Jesus Cristo, vós que fostes chamado pelo Senhor para ser pescador de homens e mulheres. Vós que dissestes: ‘Senhor, a quem iremos? Pois só tu tens palavras de vida eterna´, vinde em meu auxílio com vossa intercessão junto a Deus, dando-me coragem para seguir vosso exemplo de amor fiel a Cristo e anunciar a boa nova na família, na comunidade, no trabalho e em toda parte. Oh, São Pedro, vós que fizestes a mais bela declaração de amor: ‘ Senhor, tu sabes que eu te amo´, ensinai-me hoje o caminho da justiça para que eu tenha saúde e paz e alcance a graça que vos peço. Amém”. .

© 2017 - TV Aratu - Todos Direitos Reservados
Rua Pedro Gama, 31, Federação. Tel: 71 3339-8088 - Salvador - BA