CAMPUS PARTY: Ao infinito e além, engenheiro da NASA aconselha os baianos a serem autoconfiantes

Ao infinito e além, engenheiro da NASA aconselha os baianos a serem autoconfiantes

A animação e simpatia tomaram conta do palco “Feel the Future”(principal) da Campus Party, durante o início do último dia de atividades do maior acontecimento de tecnologia do mundo. O engenheiro da NASA (Agência Espacial dos Estados Unidos) Gabe Gabrielle mostrou ao público que o acompanhava na manhã deste sábado (12/8) um pouco do seu trabalho na agência e encorajou a plateia, de maioria jovem, a seguir os seus sonhos.

VOANDO ALTO

Dono de um carisma gigantesco, em pouco mais de uma hora, Gabe mostrou a realidade do trabalho da NASA em uma estação espacial e dos planos que os estadunidenses almejam em trabalhar em Marte (quarto planeta do Sistema Solar). Mostrando e explicando curiosidades que permeiam o universo de um astronauta, a todo tempo, o engenheiro mostra que qualquer pessoa do mundo pode trabalhar construindo estações espaciais, foguetes ou o que mais for se acreditar no seu potencial.

LEIA MAIS: CAMPUS PARTY: Palestra sobre Star Wars reúne fãs e conselho baiano da obra

LEIA MAIS: #CPBA: Única baiana na grade principal fala sobre empreendedorismo e conta como se tornou CEO

As primeiras palavras ditas por Gabe para a plateia que permanecia atenta aos seus movimentos era de que, apesar dele ter se tornado um engenheiro espacial, na sua fase escolar, ele não gostava da escola, preferia ficar na praia.

Desse episódio vem um dos primeiros ensinamentos do palestrante, que circula o mundo motivando as pessoas a serem mais confiantes, é de que os professores precisam tornar o ambiente escolar mais agradável e interdisciplinar. “Pessoas da área de artes conseguem enxergar o total, coisas que às vezes não é possível para quem é da área de exatas e tecnologia que ficam centrados em números e resultados finais, ignorando todo o contexto ao redor”, comenta.

DESVENDANDO CURIOSIDADES E FOMENTANDO SONHOS 

CAMPUS PARTY: Ao infinito e além, engenheiro da NASA aconselha os baianos a serem autoconfiantes

Gabe Gabrielle foi a atração principal da manhã no palco principal da Campus Party. (Foto: Aratu Online).

Diversas curiosidades da vida espacial foram apresentadas ao público durante a apresentação de “Ao infinito e além”, entre elas a rotina de um astronauta no espaço, desde alimentação até o uso do banheiro para necessidades fisiológicas na gravidade.

Quem participou teve a chance de saber que os astronautas, durante os seis meses no espaço, têm uma academia para exercícios diários obrigatórios. Durante a estadia na estação espacial, os astronautas não usam os músculos e precisam se exercitar regularmente para não atrofiar as articulações.

Os planos da NASA em mandar equipes para Marte também foi um ponto central da discussão. O astronauta revelou as particularidades que o planeta tem com a Terra e do desejo da Agência Espacial Americana em estudar o planeta que, de todo o sistema solar, é o mais provável que tenha existido vida e água.

O engenheiro também encorajou a plateia em colocar o Brasil novamente na rota internacional espacial, com o retorno pleno das atividades do Programa Espacial Brasileiro, que anda lentamente desde a explosão do Foguete VLS que matou 21 pessoas, no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), em agosto de 2003.

Gabe Gabrielle encerrou sua participação na primeira Campus Party na Bahia dando três dicas para facilitar a vida. “Façam o melhor e acreditem em vocês sempre. A vida fica muito mais fácil. Curtam o que vocês fazem, assim a vida vai ser boa”, finalizou.

ENTREVISTA EXCLUSIVA 

Após o fim da palestra, Gabe fez questão de falar e tirar foto com todo mundo que o acompanhava. Ele anunciou isso ao microfone antes de sair do palco principal e, de fato, foi isso que o cientista fez. Ele atendeu a todos que pararam para tirar fotos ou pedir conselhos nos corredores da Arena Fonte Nova.

Em entrevista exclusiva para o Aratu Online, o engenheiro respondeu sobre a importância do ensino em ciência e tecnologia nas escolas como instrumento para superar a crise financeira brasileira e de como o desenvolvimento tecnológico pode contribuir para a superação das desigualdades sociais em um país como o Brasil. Confira as respostas do engenheiro da Nasa: 

  1. “Acredito que quando você tem mais ciência e tecnologia, você desenvolve mais empregos, existirá mais oportunidades que irão aumentar o crescimento da economia, então qualquer coisa que possa aumentar a economia é boa. Se expandir a ciência, expandirá as oportunidades, vai criar mais dinheiro, mais empregos e eu acredito que isso ajuda bastante a superar”; 
  2. “Em um pais onde é difícil ou as oportunidades são limitadas é um desafio maior, mas você precisa continuar persistente. Precisa continuar tentando, ir devagar, para que a cada dia  possa fazer uma pequena melhoria. Enquanto você puder melhorar um pouco todo dia, mais cedo ou mais tarde você irá ficar bem, mas é preciso ir devagar. Você não pode se frustrar e nem desistir!”, encerra.

Aratu Online, portal oficial da CPBA, realiza a cobertura da programação, em tempo real, por meio das lives nas mídias sociais. Confira mais novidades sobre através do blog oficial da Campus Party Bahia.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos na página facebook.com/aratuonline e também pelo youtube.com/televisaoaratu

 

CAMPUS PARTY: Estudantes da rede pública conquistam mais dois prêmios de Robótica na OBR

Duas equipes dos Centros Juvenis de Ciência e Cultura (CJCC) de Salvador e Itabuna (baixo-sul) conquistaram premiações nas categorias “Programação” e “Design”, na etapa Regional Bahia da Olimpíada Brasileira de Robótica, realizada na tarde deste sábado (12/8) na Campus Party, que acontece na Arena Fonte Nova, na capital.

O prêmio de melhor programação ficou com a equipe ‘Robograma 09’, de Salvador, e o de design foi para a equipe do interior. “Itabuna tinha apenas dois meses de Oficina de Robótica no Centro Juvenil. Então, eles conseguiram avançar bem rápido”, afirmou o coordenador dos Centros Juvenis, Iuri Rubim.  “É o reconhecimento de um trabalho que a Secretaria da Educação tem feito porque acredita que a robótica é uma dimensão importante desta educação contemporânea, a mais conectada com a vida real e a programação dos objetos”.

CAMPUS PARTY: Estudantes da rede pública conquistam mais dois prêmios de Robótica na OBR

Estudantes do Centro Juvenil de Ciência e Cultura ganham prêmios durante a etapa baiana da OBR

LEIA MAIS: CAMPUS PARTY: Ao infinito e além, engenheiro da NASA aconselha os baianos a serem autoconfiantes

A premiação deste sábado se soma ao prêmio Maker, conquistado na sexta-feira (11/8) pelos estudantes da oficina de Robótica no Centro Juvenil de Ciência e Cultura de Vitória da Conquista (sudoeste). Para o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, as premiações dos estudantes revelam o protagonismo deles na competição e na Campus Party. “O envolvimento destes estudantes na oficina de robótica desperta o interesse por outras disciplinas associadas a este conteúdo e contribui para a formação do conhecimento, ao mesmo tempo que estimula a vocação para uma área de ponta no mundo da Ciência, Tecnologia e Inovação”, enfatizou Pinheiro.

A olimpíada do conhecimento consiste na competição de robôs criados por meio de kits de robótica, com o uso, por exemplo de Lego. O desafio é construir e programar um robô que desempenha funções em um ambiente simulado, seguindo algumas regras específicas. O objetivo é despertar e estimular o interesse pela robótica e áreas afins e promover a difusão de conhecimentos básicos sobre robótica de forma lúdica e cooperativa.

 

DIÁRIO DE CAMPUSEIRO: Confira como foi o último dia de atrações na Campus Party Bahia; Vídeo

DIÁRIO DE CAMPUSEIRO: Confira como foi o último dia de atrações na Campus Party Bahia; Vídeo

Da Redação

“Foram quatro dias onde a Fonte Nova se fez minha casa e um espaço incrível de muito trabalho intenso, conhecimento, diversão, energia boa e novas amizades”, escreveu o social media Fábio Lucas, voluntário da Campus Party Bahia (CPBA) em sua conta no Instagram.

LEIA MAIS: DIÁRIO DE CAMPUSEIRO: Voluntário registrou primeiro dia de Campus Party Bahia; Assista

A convite do Aratu Online, portal oficial do evento, o rapaz de 27 anos registrou algumas atrações e momentos engraçados durante a CPBA. “Saio daqui feliz e com sensação de dever cumprido, em poder ter feito parte do time que fez da primeira edição na capital baiana um sucesso”, completou Fábio.

LEIA MAIS: DIÁRIO DE CAMPUSEIRO: Confira os ‘bastidores’ da Campus Party Bahia sob o olhar de um voluntário

Com encerramento oficial neste domingo (13/8), esta foi a primeira vez que a Campus Party aconteceu no estado e também em um estádio de futebol, a Arena Fonte Nova, em Salvador.

Confira abaixo um pouco dos registros do voluntário

Se quiser ver os últimos momentos do evento, sob o olhar do social media, basta segui-lo no Instagram (@fabiolucass).

LEIA MAIS: DIÁRIO DE CAMPUSEIRO: Líder da “Turma da Mônica” e Dado Schneider agitam terceiro dia da CPBA

Nesta segunda-feira (13/8), faremos um compilado com os melhores momentos do Diário de Campuseiro. Não perca!

Aratu Online, portal oficial da CPBA, fez a cobertura da programação, em tempo real, por meio de lives nas mídias sociais. Confira mais no blog oficial da Campus Party Bahia.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuonline.com.br/aovivo e no facebook.com/aratuonline.

CAMPUS PARTY: Palestra sobre Star Wars reúne fãs e conselho baiano da obra

CAMPUS PARTY: Palestra sobre Star Wars reúne fãs e conselho baiano da obra

Os palestrantes Marcel Ayres e João Marcelo Cunha apresentaram, neste sábado (12/8), a mostra “O Universo (Digital) de Star Wars”, no Palco Criatividade, da Campus Party Bahia.

Em entrevista ao Aratu Online, os amigos contaram as expectativas para a apresentação antes de subir no palco. “Essa é a minha primeira vez como palestrante da Campus Party. Já fui campuseiro antes mas agora é diferente, falar do que a gente gosta para um público semelhante é muito bom. Estou muito ansioso”, disse João Marcelo.

Com Marcel o match é antigo. O jornalista já foi palestrante na Campus Party de Recife, mas garante que é diferente. “Juntar universo digital com Star Wars em Salvador é muito gratificante. Aqui em Salvador tem muita gente interessada nos dois assuntos”.

CAMPUS PARTY: Palestra sobre Star Wars reúne fãs e conselho baiano da obra

Palestra reuniu fãs da saga em Salvador. Foto: Aratu Online

A palestra discutiu sobre como a Lucasfilm e, mais recentemente, a Walt Disney Company estão explorando plataformas e formatos em diferentes meios digitais (como Mídias Sociais, Apps, Games, Experimentos em VR/AR) com o objetivo de ampliar o relacionamento com seus fãs (e potenciais consumidores da franquia) e, também, as possibilidades de experiências em seu universo.

O Conselho Jedi Bahia também compareceu à apresentação com acessórios que ficaram conhecidos pela obra, como os sabres de luz usados pelo vilão da história, Darth Vader, e capacetes que imitam os figurinos dos personagens.

DIÁRIO DE CAMPUSEIRO: Líder da “Turma da Mônica” e Dado Schneider agitam terceiro dia da CPBA

O Diário de um Campuseiro deste sábado (12/8) traz os eventos que abalaram a noite de sexta (11/8) na Arena Fonte Nova, onde acontece a Campus Party. Os destaques no terceiro dia do evento foram palestras com Mônica Sousa – que deu origem à Turma da Mônica – e com o professor doutor Dado Schneider.

O campuseiro-repórter do Aratu Online, Fábio Lucas, de 27 anos, está no evento desde a primeira noite. Já adaptado no local, ele já nos mostrou os bastidores da CPBA e como tudo funciona lá por dentro. Ainda nesta sexta, ele destacou o show da banda baiana Batifun. Veja tudo no vídeo abaixo:

LEIA MAIS: DIÁRIO DE CAMPUSEIRO: Confira os ‘bastidores’ da Campus Party Bahia sob o olhar de um voluntário

CAMPUS PARTY: Estudantes da rede estadual conquistam prêmio na Olimpíada Brasileira de Robótica

CAMPUS PARTY: Estudantes da rede estadual conquistam prêmio na Olimpíada Brasileira de Robótica

Da redação

Quatro estudantes da escola pública conquistaram o prêmio Maker na etapa baiana da Olimpíada Brasileira de Robótica. A disputa é realizada como parte da programação da Campus Party, que acontece até domingo (13/8), na Arena Fonte Nova, em Salvador. Inácio Castro, 14 anos, Leonardo de Oliveira, 15, Hafyk Souza, 17, e Ítalo Pereira, 18, fazem a oficina de Robótica no Centro Juvenil de Ciência e Cultura de Vitória da Conquista.

O principal mérito foi o desenvolvimento do protótipo com peças fabricadas pelos próprios estudantes, uma vez que o robô apresentado, denominado de “Bug”, foi produzido a partir de sucatas. Foram utilizados materiais recicláveis como palitos de picolé, motor de aparelho de DVD, garrafas pet e pedaços de MDF. Tudo foi feito ao custo de R$ 60.

Ítalo não escondeu a emoção na hora do anúncio. Pulou, gritou e festejou muito esta conquista. “Estou muito feliz com o prêmio. Fizemos um projeto original, pensado e elaborado por nós, com pouco recurso e fomos premiados por isto. É gratificante”, falou, bastante emocionado com a medalha que recebeu.

LEIA MAIS: DIÁRIO DE CAMPUSEIRO: Confira os ‘bastidores’ da Campus Party Bahia sob o olhar de um voluntário

O colega Inácio também ficou radiante. “É uma alegria sair daqui vendedor. Trabalhamos muito na programação do robô para esta competição e valeu à pena”. Já Hafik, o capitão da equipe, destacou o reconhecimento pela inovação do projeto. “Estou muito feliz por conseguir este prêmio, por mostrar que nós somos capazes de construir nosso próprio robô com o material que utilizamos e sem comprar kits prontos”, comemora.

Para Leonardo de Oliveira, a premiação os motiva para o aprimoramento do projeto. “Agora vamos tentar aprimorar bem mais nosso robô para as próximas competições. Precisamos melhorar os sensores, o motor e as rodas. A experiência foi ótima e é muito bom estar aqui com todo esse pessoal falando de tecnologia”, festeja.

O professor e orientador dos estudantes, Roberto Costa, estava orgulhoso do desempenho dos alunos, principalmente porque o envolvimento deles com a Robótica tem como focado melhorar o processo de ensino e de aprendizagem. “A proposta educacional da gente não trabalha a perspectiva de construir robôs para participar de competições desta natureza. A gente faz isso com a perspectiva de levar o conhecimento para os estudantes, na construção física do robô, diferente dos outros, a partir de material reciclado”, comemorou.

DIÁRIO DE CAMPUSEIRO: Confira os ‘bastidores’ da Campus Party Bahia sob o olhar de um voluntário

DIÁRIO DE CAMPUSEIRO: Confira os 'bastidores' da Campus Party Bahia sob o olhar de um voluntário

Na quarta-feira (9/8), o Aratu Online, portal oficial da Campus Party Bahia (CPBA), começou o Diário de Campuseiro e mostrou um pouco do primeiro dia de evento sob o olhar do social media Fábio Lucas, 27, que também é voluntário na feira, na área de conteúdo.

LEIA MAIS: DIÁRIO DE CAMPUSEIRO: Voluntário registrou primeiro dia de Campus Party Bahia; Assista

Depois da adaptação, Fábio registrou algumas curiosidades e atrações do segundo dia de evento, como o espaço das barracas, um campeonato de drones, olimpíada de robótica, um ‘homem-aranha’ bem animado e até uma competição do jogo ‘Just Dance’.

LEIA MAIS: CAMPUS PARTY: Quinze competidores disputam a etapa baiana do Campeonato Brasileiro de Corrida de Drone

Confira no vídeo abaixo

Para o voluntário, a área ‘free play’ é uma das mais animadas. “A parte de startups e makers também tem projetos inovadores e que inspiram bastante”, disse. Ele afirmou, inclusive, que a diversão faz parte do trabalho.

“Andar pelo evento e trocar ideias com as pessoas daqui te faz descobrir e aprender muita coisa bacana. Ser surpreendido por momentos engraçados – como o The Flash fazendo várias pessoas dançarem -, além de conteúdos que agreguem, sendo passados de uma forma leve… Tem como não ser divertido?”, indagou Fábio.

LEIA MAIS: CAMPUS PARTY: Participantes têm 48 horas para criar soluções inovadoras no Hackathon

Para continuar acompanhando os bastidores pelas lentes do voluntário, acampado na Fonte Nova durante todo o evento, basta segui-lo no Instagram (@fabiolucass).

Confira abaixo alguns cliques do publicitário:

Foto: Reprodução/Instagram

LEIA MAIS: CAMPUS PARTY: Jovens do semiárido baiano viajam pela primeira vez à Salvador para participar do evento

Aratu Online, portal oficial da CPBA, fará a cobertura da programação, em tempo real, por meio das lives nas mídias sociais. Confira mais novidades sobre através do blog oficial da Campus Party Bahia.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos na página facebook.com/aratuonline e também pelo youtube.com/televisaoaratu

CAMPUS PARTY: Rui Costa discute implantação de escolas tecnológicas em encontro com jovens

CAMPUS PARTY: Rui Costa discute implantação de escolas tecnológicas em encontro com jovens

Da Redação

Durante encontro realizado nesta quinta-feira (10/8), na Governadoria, com o presidente do Instituto Campus Party, Francesco Farruggia, e jovens empreendedores que participam da Campus Party Bahia (CPBA), em Salvador, o governador Rui Costa anunciou o conceito de Escolas Tecnológicas a ser implementado no estado. A ideia é que os espaços sirvam como fonte de conhecimento e sejam úteis para toda a comunidade.

LEIA MAIS: 2018: “Não vou comer pilha”, diz ACM Neto sobre relação prefeitura x Governo do Estado

Um laboratório de robótica já foi criado no campus da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) de Canudos, no interior do estado, com doações de 40 computadores por parte de Farruggia. No local – que funcionará a partir de setembro – serão feitos, inicialmente, desenhos em 3D, além de aulas sobre noções de programação. O coordenador do projeto será Vinicius Melo, do Raul Jacker Club, de apenas 15 anos.

Apesar da pouca idade, Vinicius é coordenador de comunicação do programa ‘Onda Digital’ da Universidade Federal da Bahia (Ufba) e trabalha com inclusão sociodigital e software livre para crianças, jovens e egressos da universidade.

LEIA MAIS: GALINHO DIGITALIZADO: TV Aratu fecha parceria com startup, inova e aumenta conexão com o público

Entre os presentes à reunião estava André Argolo, 23, fundador da startup ‘StartOnApp’, com sede na TV Aratu. Ao Aratu Online, parceiro oficial do evento, ele falou um pouco sobre o encontro. “A ideia é que a CPBA deixe um legado para a Bahia e que nós [jovens empreendedores] atuemos como ‘pontes’. Assim, os projetos de tecnologia serão mais acessíveis para todos”, explicou Argolo.

Em sua página no Facebook, o governador Rui Costa compartilhou um vídeo do encontro. O Secretário de Ciência e Tecnologia do estado, Vivaldo Mendonça, também esteve presente na reunião.

Confira abaixo:

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos na página facebook.com/aratuonline e também pelo youtube.com/televisaoaratu

CAMPUS PARTY: Participantes têm 48 horas para criar soluções inovadoras no Hackathon

CAMPUS PARTY: Participantes têm 48 horas para criar soluções inovadoras no Hackathon

Da redação

Cerca de 150 jovens inscritos no Hackathon Desafios Bahia têm a missão de aumentar a eficiência do serviço online do SineBahia ou garimpar informações que impulsionem benefícios para mobilidade urbana. O jogo lançado nesta quinta-feira (10/8), no segundo dia da Campus Party, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

Os participantes têm 48 horas para desenvolver soluções inovadoras que facilitem a mobilidade, o acesso ao trabalho ou a gestão sustentável da água, por meio de tecnologias digitais.

“Sem dúvida, o Hackathon proporciona mais conhecimento para esses jovens. Eles são incentivados a darem o melhor de si. Contam com o suporte de mentoring e têm a oportunidade de explorar a criatividade”, destaca o chefe de gabinete da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado (Secti), Rodrigo Hita.

Adriana Lacerda, estudante de Sistema de Informação, escolheu a área de mobilidade para produzir inovação e acredita na troca do conhecimento para vencer o desafio.

“Ainda não estou entre os melhores em programação, mas vou contribuir bastante com minha capacidade empreendedora. Para as mulheres, é sempre difícil entrar na área por causa do preconceito, mas não devemos abaixar a cabeça. Vamos dar o nosso melhor”, afirma a universitária.

A maratona de programação deve ajudar na qualificação de políticas públicas executadas pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) e pelas secretarias de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), que lançaram simultaneamente os desafios.

CRITÉRIOS

Os projetos vão ser julgados pelo interesse público, impacto social, viabilidade técnica e grau de inovação da ideia. Os três melhores de cada tema serão premiados com ingressos com camping para a edição nacional da Campus Party, que acontece em São Paulo, incluindo passagens aéreas.

Vencedor de um dos desafios do Hackathon nacional, realizado em São Paulo, em 2016, Diego Leite, estudante de Ciência da Computação, busca outro bom resultado na Arena Fonte Nova. O jovem, nascido em Feira de Santana, sabe das vantagens de participar da Campus para a vida profissional.

“Ter o projeto contemplado na Campus Nacional foi muito gratificante, mas o melhor foi a oportunidade que ela me trouxe. Na plateia tinha um diretor de uma empresa americana, que me contratou para trabalhar com ele. Hoje lidero a equipe de TI desta empresa aqui na Bahia”, afirma Diego.

A primeira edição do Hackathon Desafios Bahia foi realizada em junho deste ano, tendo como tema a campanha “Respeita as Minas”, resultado de articulação da Secti e da Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), em conjunto com a Universidade Federal da Bahia (Ufba) e a Ronda Maria da Penha.

Na oportunidade, programadores trabalharam por 33 horas seguidas no desenvolvimento de tecnologias que contribuíssem para a redução da violência contra a mulher.

Aratu Online, portal oficial da CPBA, fará a cobertura da programação, em tempo real, por meio das lives nas mídias sociais. Confira mais novidades sobre através do blog oficial da Campus Party Bahia.

CAMPUS PARTY: Maquiador transforma campuseiros em personagens de Star Wars e vilões DC

CAMPUS PARTY: Maquiador transforma campuseiros em personagens de Star Wars e vilões DC

O maquiador e drag queen Dino Neto, conhecido também como Sfat Auermann apresenta a Oficina de Maquiagem no Espaço Multiuso do Governo do Estado, nos dias (10/8) (19h30 às 21h), (11/8) (20h às 21h) e 12 de agosto (16h30 às 18h), na Campus Party Bahia. Durante a atividade, que é gratuita, Dino vai maquiar e transformar pessoas do público em personagens do universo pop, ensinando o público como fazer a produção para seus próprios cosplays.

Com produtos hipoalergênicos e acessíveis, o maquiador irá trabalhar nos rostos dos visitantes, transformando-os no personagem de Star Wars, como o Lorde Sith Darth Maul, e o Coringa, do filme Esquadrão Suicida.

Durante a oficina, Dino Neto irá ensinar truques de maquiagem e algumas técnicas para facilitar a aplicação dos produtos. “São produtos e técnicas fáceis, podem ser usados em crianças e adultos e saem com água”, explica o profissional.

As maquiagens serão feitas com o uso de apenas dois produtos e podem ser reproduzidas depois em casa pelos público, o maquiador também afirma que são materiais de baixo custo e podem ser encontrados em lojas de cosméticos.

Aratu Online, portal oficial da CPBA, faz a cobertura da programação, em tempo real, por meio das lives nas mídias sociais. Confira mais novidades sobre através do blog oficial da Campus Party Bahia.

LEIA MAIS: CAMPUS PARTY: Confira 10 eventos gratuitos que acontecem até domingo na CPBA

LEIA MAIS: CAMPUS PARTY: De metrô, Rui Costa chega à Fonte Nova para abertura do evento; Veja vídeo

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos na página facebook.com/aratuonline e também pelo youtube.com/televisaoaratu

© 2017 - TV Aratu - Todos Direitos Reservados
Rua Pedro Gama, 31, Federação. Tel: 71 3339-8088 - Salvador - BA